Imprimir esta página
quinta, 08 agosto 2019 19:16

Campanhas de Prevenção Rodoviária são ferramenta essencial para a segurança de quem circula nas estradas, salienta Ana Cunha

A Secretária Regional dos Transportes e Obras Públicas sublinhou hoje, em Ponta Delgada, que as campanhas de prevenção rodoviária são instrumentos vitais para a segurança de que circula nas estradas, ao contribuírem para a educação e sensibilização de condutores e peões para a partilha de um ambiente rodoviário seguro.

 

Ana Cunha, que falava na apresentação da Campanha de Prevenção Rodoviária 2019, realçou que estas iniciativas pretendem acautelar “o bem máximo, a saúde pública, a vida humana, a integridade física das pessoas que circulam nessas vias, e, em segunda linha, dos seus bens e dos seus veículos”.

 

“Com esta preocupação, estas campanhas de segurança rodoviária, que já vêm sendo desenvolvidas desde 2014 com a Prevenção Rodoviária Açoriana, com apoio do Governo Regional dos Açores e com o patrocínio da Açoreana, têm sido, de facto, uma mais-valia, uma forma de chegar, de transmitirmos alguns comportamentos que se pretendem ser educativos”, afirmou.

 

  

Ana Cunha destacou que estas campanhas têm vindo a evoluir anualmente na forma da sua divulgação, tendo começado com folhetos e 'flyers' até aos anúncios na televisão da atualidade, que permanecerão.

 

“Temos também que usar os novos meios de divulgação de informação, chegar a camadas mais novas e teremos que recorrer necessariamente às redes sociais”, adiantou Ana Cunha.

 

Neste âmbito, a campanha deste ano inovou por contar com a colaboração de alguns cidadãos e personalidades conhecidas dos Açorianos, nomeadamente Pedro Resendes 'Pauleta', Hélder Medeiros 'Helfimed', Francisco Bradford Câmara 'Balada Brassado' e Luís Miguel Rego.

 

Para a Secretária Regional, além da informação em si, a participação destas personalidades, de forma voluntária, “significa também chamar a atenção para a mensagem que se pretende transmitir”.

 

A campanha da Prevenção Rodoviária 2019 assentará em dois pressupostos, nomeadamente o alerta dos peões e automobilistas para comportamentos inadequados ou de desrespeito pelas regras definidas no Código de Estrada, e a informação do comportamento e das regras a adotar por forma a contribuir para o incremento da sua segurança e dos restantes utentes da via.

 

Nesse sentido, para a campanha deste ano foram realizados quatro spots, baseados nas regras de paragem e de estacionamento (lugares onde é proibido parar ou estacionar e como o fazer de forma correta; na hierarquia da sinalização (quais as regras a cumprir perante a coexistência num mesmo local de sinalização de natureza diversa; na negligência dos peões no atravessamento das vias e qual o comportamento a adotar para o correto atravessamento da via em segurança; e na importância do condutor assinalar correta e antecipadamente as manobras de mudança de direção, utilizando os sinais indicadores de mudança de direção.

Informação Adicional

  • Fonte: Gacs

Itens relacionados